quinta-feira, 8 de julho de 2010

22º Grande Prémio de S. Pedro

CITAÇÃO:
"O S. Pedro encerra as festas e as corridas...até Outubro!"

CURIOSIDADE:
A Póvoa de Varzim é uma terra de pescadores, logo o Santo padroeiro da cidade só podia ser o S. Pedro. Tradicionalmente, a festa é rija por aquelas bandas e a realização do Grande Prémio de Atletismo assinala encerramento das efemérides.

ARQUIVO:
Este ano disputava-se a 22ª edição e desde 2003 que participo nesta corrida com resultados bastantes interessantes.
2003 - 38m06s
2004 - 37m35s
2005 - 37m23s
2006 - 36m46s
2007 - 36m26s
2008 - 36m09s
2009 - 36m01s

RESENHA:
A corrida começou às 11h15m, pelo que já estava um bocadinho quente para a prática da modalidade. A acrescer a isto, em algumas zonas do percurso, ainda o característico vento que costuma sentir-se na Póvoa, a atrapalhar a vida dos atletas. Conforme tinha escrito na última crónica, as pernas estavavam a registar uma ligeira melhoria relativamente às primeiras corridas de Junho e tinha em mente desde o início impor um ritmo que nunca escedesse os 3m40s/km. Nos primeiros 3 kms rolei dentro desse tempo, no entanto, nos 2 kms seguintes sofri uma pequena quebra devido à presença do vento e ao esforço suplementar que este exige. À passagem dos 5 kms contabilizei o tempo de 18m07s, tentei manter essa cadência para a segunda metade da corrida, não foi possível, apesar de a perda não ter sido muito grande, corri este parcial em 18m24s. Finalizei um ciclo de muitas corridas, pelo que fiquei bastante agradado com a resposta das pernas!

ARITMÉTICA:
Concluí os 10 kms da corrida com o tempo final de 36m31s, tendo obtido o 85º lugar na classificação geral, entre os 614 atletas que terminaram a prova e um 15º lugar em M45 entre 89 atletas deste escalão.

O MELHOR:
O excelente nível competitivo da corrida e a presença dos melhores atletas nacionais.

O PIOR:
Apesar de ser por um motivo nobre que todos compreendem - a realização de corridas para os escalões mais jovens - o horário da prova é um bocadinho tardio, agravado ainda pelo facto de estarmos em pleno verão.

RETRATO:

6 comentários:

Anónimo disse...

Olá Capela
tu sim és como o "vimho do Porto", impressionante, 7 participações sempre a melhorar.
Parabéns pela dedicação à corrida.
Abraço.

Filipe Fidalgo disse...

Olá, José Capela.
Em primeiro lugar, muito obrigado pela sua visita e consequente comentário no corredor de domingo.
Aproveitei para conhecer o seu blog, bastante interessante e fluído, irá certamente ser um local de passagens futuras.

Um Grande Abraço e boa Provas

Anónimo disse...

Viva Zé,

Aqui vai um comentário bastante tardio. Aproveita o intervalo para um descanso mental já que fisicamente não se pode parar completamente.
Aguardaremos teus posts em Outubro! Boa pausa!

Beijinhos, Manuela

João Paulo Meixedo disse...

Que contraste; a maratona de Adelaide começou às 6:45h e lá é Inverno. Coisas ...
Um grande abraço.

joaquim adelino disse...

Amigo Capela aproveito para o cumprimentar e ao tempo desejar que a Maratona do Porto, que por certo vai fazer, lhe corre como melhor desejar.
Como também vou estar presente gostava de o encontrar para lhe dar um abraço, na Pasta Party ou no dia da prova tanto faz.
Para já e até lá envio um abraço.

Flip disse...

Boa tarde José Capela

Sou o Filipe José,triatleta do Louletano, e tenho apreciado os seus feitos,e grande evolução.
Partilho o gosto das maratonas e quero em 2011 fazer também a de Roterdão tal como voçê a fez e muito bem.
Gostaria de partilhar experiências e dicas para esta prova.
Este fim de semana tenho as 10 Milhas do Guadiana, e fiz 1ª Maratona do Algarve em Outubro,2º vet.1,3h09mins,mas tenho 3h00 em Paris,e mais 7 nesses tempos.
Saudações desportivas desde o Algarve